segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Moustache cup ou chávena para bigodes!



Apesar de as sessões semanais de Tea Cup TuesdayTea Time TuesdayTuesday Cuppa Tea... serem maioritariamente frequentadas por público feminino, esta semana resolvi dedicar este post a um tipo de chávena usado por cavalheiros... com bigodes!
É verdade que muitas senhoras também têm o seu buçozinho, mas não me consta que alguma vez tenham cultivado farfalhudas bigodaças!!! (nem quero pensar como é que o Google Translator se vai desenvencilhar  com este texto...)
A capacidade inventiva dos nosso antepassados, os requintes a que se entregavam as classes endinheiradas, são algo que nos surpreende quando nos deparamos com objetos do seu quotidiano, hoje para nós totalmente desconhecidos e impensáveis.
A chávena para bigodes (tasse à moustache ou moustache cup) é um desse objetos.


Esta é o único exemplar que tenho, foi comprada há anos não me recordo onde, mas certamente numa feira de velharias, e desde então  só me lembro de ter visto uma ou duas à venda.
Não apresenta qualquer marca, mas com estes efeitos iridescentes na porcelana e os desenhos dourados muito fluidos e ondulantes, acredito que seja do período Arte Nova e como pela pega me parece alemã  diria que é do Jugendstil, mas não será uma peça muito representativa...
Bem,  isto sou eu com a mania de identificar e de situar a origem das peças. :)


Geralmente atribui-se a  invenção deste tipo de chávena, a Harvey Adams, um fabricante inglês de Longton, Stoke-on-Trent, que, segundo o site the potteries.org  operou em Longton de 1872 a 1886. Nascido em 1835, pensa-se que terá inventado a chávena  nos anos 60 do século XIX.


A verdade é que  até ao início do século XX,  por todo o mundo (talvez não em Portugal) foram fabricados belíssimos exemplares de moustache cups.
Encontrei num site canadiano várias chávenas de que escolhi três para partilhar aqui: a primeira japonesa, a segunda alemã e a terceira inglesa, a minha preferida.




Foram certamente muito úteis e a minha chávena mostra sinais de muito uso. Cavalheiro vitoriano que se prezasse seguia a moda da época e exibia um  grande e retorcido bigode, que devia dar muito trabalho a manter em boa ordem e limpeza. Daí a dificuldade que teriam em ingerir em público quaisquer bebidas ou caldos. Imagine-se um espumoso chocolate quente agarrado àqueles bigodes ou, quando eram pintados ou encerados, fluidos pastosos  a pingar dos ditos  para o chá ou para o café num salão cheio de senhoras!!! Não seria nada fácil a vida destes cavalheiros! E lá veio o Harvey Adams ou outro qualquer industrial cerâmico em seu auxílio!

28 comentários:

  1. Your teacups are delightful! I really like the last one with the pretty blue ribbon. Happy tea day!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hi Donna,
      I believe it's the first time you visit my blog, so I do welcome you here!
      Happy tea day to you, too!

      Eliminar
  2. Hi Maria,
    I have seen mustache cups but I don't own one myself. The first one is very lovely with its gold design and the third is fairly dainty with its florals and bows. The second cup looks more masculine to me as it is shaped more like a mug. Thank you for sharing your wonderful and interesting mustache cups. Wishing you a delightful day.

    Blessings,
    Sandi

    ResponderEliminar
  3. Dear Maria Andrade,
    you made me laughing with your posting. I imagine how a man looks with hot chocolate in his beard. Really not a delight at all for him. This cups are really functional and beautiful. You bought a beautiful one and the others are also treasures. Thank you for sharing this interesting cup and the informations. Hope, you are well.
    Best greetings, Johanna

    ResponderEliminar
  4. Maria Andrade, I really enjoyed your post on mustache cups. I laughed out loud at your comment on how google translator would translate ... it didn't!!!! I've always liked mustache cups. I think they are very clever ... functional and pretty! Fun post. Happy Tea Day!

    ResponderEliminar
  5. Hello Maria Andrade
    I think you found a real treasure with your moustache cup, I've never seen one in an antique shop. The English ones you've shown are very pretty; maybe you can find a mix and match saucer for yours.
    Judith

    ResponderEliminar
  6. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hi Vicki,
      Welcome in my blog! Only the first moustache cup is mine, but I'm glad you liked them all.
      Thanks for visiting.

      Eliminar
    2. Sorry, Vicki,
      I don't know what happened but the fact is I deleted your comment unwares.
      These things happen to clumsy people... :(

      Eliminar
  7. Olá Maria
    Sobressai e contrapõe-se a delicadeza das chávenas para a arrogância dos farfalhudos bigodes. Nunca tinha visto chévenas desta espécie. Estamos sempre a aprender. Parabéns.
    if

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá If,
      Este tipo de chávenas não é muito conhecido por cá, não me parece que as tenham fabricado em Portugal e as estrangeiras estão já muito na mão de colecionadores. Fiquei a conhecê-las com as minhas pesquisas em porcelana inglesa e quando encontrei esta, que não deve ter sido cara, claro que não lhe resisti :)
      Um abraço

      Eliminar
    2. Cara Maria,
      muito divertido este seu post sobre as chávenas para bigodes.
      Em relação à produção portuguesa, posso acrescentar que a SECLA fabricou algumas canecas para bigodes, destinadas ao mercado anglo-saxónico, durante a década de 60 do Séc.XX. Um dia destes pode ser que eu as mostre.
      Saudações,
      CMP*

      Eliminar
    3. Olá CMP,
      As chávenas para bigodes são algo que nos faz sorrir sempre, afastados que estamos da moda dos bigodes farfalhudos, retorcidos, pintados e encerados.
      E é por isso que se fabricam ainda hoje essas canecas, algumas com uma grande bigodaça desenhada, para ofertas divertidas a quem use bigode, por mais discreto que seja.
      Não sabia que a SECLA as tinha fabricado para Inglaterra, mas eu referia-me a produção portuguesa mais recuada de chávenas de porcelana ou de faiança para acudir às bigodaças de antanho.
      Não conheço qualquer exemplar da Vista Alegre do séc. XIX, por exemplo.
      Fico à espera de ver as canecas SECLA no seu blogue.
      Um abraço

      Eliminar
  8. Cute cups! I love the gold filigree one as well as the last one you showed with the blue design.
    God bless, Beth

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hi Beth,
      I'm very glad to have you here as another newcomer in this blog.
      I hope you've enjoyed the visit.
      Have a great week.

      Eliminar
  9. Wonderful post! I love the luster finish on your find! I have had the English pattern before...your 3rd cup...but not in a moustache cup! They are so fun and many people collect them. Most people have forgotten why they were used so your post is so helpful! Thanks for linking to Tuesday Cuppa Tea!
    Ruth

    ResponderEliminar
  10. Obrigado Maria, pela simpatia e pelas novas fotografias da farmácia e demais informações. Como queríamos também comentar as chávenas, aproveitámos a deixa.
    Como se diz agora, estas chávenas para bigodudos são "muito prá frente" e uma "ganda maluqueira". Há que estar actualizado no português. :) São, efectivamente, muito divertidas e o texto da Maria exprime da melhor maneira o ridículo de uma época tão emproada. Para finalizar, não somos arquitectos, graças aos deuses. Andamos mais pelos documentos e pelas questões patrimoniais (também arquitectónicas).
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é, AM-JMV, os objetos são divertidos e por isso suscitam, não só o texto, mas também comentários bem-humorados, como o vosso :) O que eu achei mais engraçado é que o Google Translator, como eu já suspeitava, teve mesmo dificuldade na tradução para inglês (foi a única tradução que verifiquei)de alguns termos que eu usei e foi esperto!!! pura e simplesmente não os traduziu (LOL).
      Gostei muito de saber que trabalham nas áreas do património e dos documentos.
      Beijos

      Eliminar
  11. Beautiful! I have always admired mustache cups, and pondered over why they are often more beautiful than ladies tea cups!
    Also, they often have a luster, and I love that too.
    Your cups are really beautiful!
    Hugs,
    Terri

    ResponderEliminar
  12. Fantástico Maria. Obrigada pela partilha, nunca tinha visto uma peça com um propósito tão castiço!
    Um beijo, Sandra.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sandra,
      Ainda bem que este post contribuiu para a divulgação deste tipo de chávenas, pouco conhecidas por cá.
      E se pensarmos no motivo por que foram criadas, dá pelo menos para sorrir...
      Beijos

      Eliminar
  13. Oh goodness, mustache cups! They're beautiful, I never seen one for real except in the cow boy movies, lol...a gorgeous collection to have dear Maria. You have the most gorgeous and lovely things, such fab antiques, I'm always in great admiration. Thank you for your generous and lovely visit, I truly appreciate it.
    Hugs,
    FABBY

    ResponderEliminar
  14. Olá Maria Andrade, pois são peças que nos fazem logo imaginar o senhor a beber leitinho sem ficar com o bigode branquinho... Mas não há muito tempo, vi numa feira das velharias uma chávena bigodeira, mas com a asa à esquerda para canhotos, ainda mais fora do comum...
    Bom fim de semana, jsaraiva

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá J. Saraiva,
      Teve piada essa do leitinho a rimar com bigode branquinho! Seria um bom slogan publicitário para estas chávenas ou canecas!(LOL)
      Gostei de saber que ainda se vão vendo por aí à venda, mas acho que nunca vi nenhuma para canhotos.
      Um bom fim de semana também para si.

      Eliminar
  15. Que peça tão curiosa e insólita a Maria Andrade descobriu!!!

    No entanto talvez não seja tão inusitada, se nos pusermos na pele dos homens que viveram no século XIX e inícios do XX. Ainda me lembro de me ver na casa da família do meu pai uma pequena rede, com a qual o meu bisavó dormia à noite, para manter o bigode primorosamente enrolado.

    Abraços

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então teria dado muito jeito ao seu bisavô uma chávena igual a estas!
      Quem sabe se não terá havido alguma lá por casa? De produção portuguesa não conheço, mas, claro, estas coisas importavam-se...
      Abraços e bom fim de semana.

      Eliminar
  16. Magnífico! Não conhecia de todo! Muito obrigado pela dica.
    APS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que gostou!
      Obrigada também pelo comentário.

      Eliminar